ALIMENTAÇÃO | SHOW | O QUE COMER ANTES DURANTE E DEPOIS  DE UM SHOW

Quando você vai no show nem pensa direito o que pode acontecer, apenas quer curtir sua banda favorita. 

Na noite anterior mal dorme, não tem fome e vai direto pro show encher a cara de álcool. 

Aqui vão algumas dicas para você não pedir que a morte o leve durante/depois do show que você vai!

ALIMENTAÇÃO ANTES DO SHOW:

Objetivo: manter os níveis adequados de energia no músculo (chamado por glicogênio muscular) essencial para a realização de contração muscular durante os movimentos necessários de percussão, podendo evitar assim a fadiga muscular, que provavelmente diminuiria o ritmo da performance.

Fazer a grande refeição (almoço e jantar) cerca de 3 horas antes do evento para que a digestão dos nutrientes já tenham sido realizadas e estejam disponíveis nos músculos, além de não causar desconforto gástrico como a má absorção minutos antes de entrar no palco.

Se o show for fora do horário das grandes refeições como por exemplo, de madrugada, é importante que se faça um lanche de pão francês ou de forma com requeijão light e peru ou atum sem óleo (gordura demora mais para ser absorvida) e uma fruta (banana, por exemplo)

Exemplo de refeição :

Salada de folhas, palmito, milho verde, tomate.
Filé grelhado (carne bovina magra ou de frango)
Abobrinha refogada
Arroz / Feijão ou macarrão
Suco de laranja


ALIMENTAÇÃO DURANTE O SHOW:

Objetivo: manter os níveis de glicose na circulação, pois, esta vai ser usada como fonte de energia para músculo realizar suas atividades, quando o glicogênio muscular se esgotar.

Claro que tudo vai depender do tempo de trabalho, pois quanto mais longo o show, mais cuidado é preciso ter. Mas deve-se ingerir líquidos como água pura ou sucos, água de coco e isotônicos, pois além de conter a água para evitar a desidratação possuem vitaminas minerais e carboidratos que ajudam a manter os níveis glicêmicos (açúcar no sangue). O ideal é consumir a cada 30 minutos para manter a hidratação, pois há uma perda constante de líquidos no suor e para a contração muscular.

As bebidas alcóolicas devem ser evitadas, pois causam a desidratação e diminuem a concentração de açúcar no sangue, causando a hipoglicemia e consequentemente a fadiga muscular.

ALIMENTAÇÃO APÓS O SHOW:

Objetivo: favorecer a reposição do glicogênio muscular gasto durante o show e recuperar as fibras musculares que foram exercitadas e consequentemente lesadas durante a apresentação. Tentar fazer a refeição no máximo até 1 hora após o final do show para a recuperação muscular ser mais eficaz, pois há uma melhor captação de glicose pelo músculo, para produzir o glicogênio.

Exemplo:

Lanche natural (com atum, alface, tomate e queijo branco)
Suco de frutas, água de coco

Aproveitem as dicas

Fonte: RG nutri

Anúncios

Alimentação antes e depois do show (fikdik)

ALIMENTAÇÃO ANTES DO SHOW:

Objetivo: manter os níveis adequados de energia no músculo (chamado por glicogênio muscular) essencial para a realização de contração muscular durante os movimentos necessários de percussão, podendo evitar assim a fadiga muscular, que provavelmente diminuiria o ritmo da performance.

Fazer a grande refeição (almoço e jantar) cerca de 3 horas antes do evento para que a digestão dos nutrientes já tenham sido realizadas e estejam disponíveis nos músculos, além de não causar desconforto gástrico como a má absorção minutos antes de entrar no palco.

Se o show for fora do horário das grandes refeições como por exemplo, de madrugada, é importante que se faça um lanche de pão francês ou de forma com requeijão light e peru ou atum sem óleo (gordura demora mais para ser absorvida) e uma fruta (banana, por exemplo)

Exemplo de refeição :

Salada de folhas, palmito, milho verde, tomate.
Filé grelhado (carne bovina magra ou de frango)
Abobrinha refogada
Arroz / Feijão ou macarrão
Suco de laranja
ALIMENTAÇÃO DURANTE O SHOW:

Objetivo: manter os níveis de glicose na circulação, pois, esta vai ser usada como fonte de energia para músculo realizar suas atividades, quando o glicogênio muscular se esgotar.

Claro que tudo vai depender do tempo de trabalho, pois quanto mais longo o show, mais cuidado é preciso ter. Mas deve-se ingerir líquidos como água pura ou sucos, água de coco e isotônicos, pois além de conter a água para evitar a desidratação possuem vitaminas minerais e carboidratos que ajudam a manter os níveis glicêmicos (açúcar no sangue). O ideal é consumir a cada 30 minutos para manter a hidratação, pois há uma perda constante de líquidos no suor e para a contração muscular.

As bebidas alcóolicas devem ser evitadas, pois causam a desidratação e diminuem a concentração de açúcar no sangue, causando a hipoglicemia e consequentemente a fadiga muscular.

ALIMENTAÇÃO APÓS O SHOW:

Objetivo: favorecer a reposição do glicogênio muscular gasto durante o show e recuperar as fibras musculares que foram exercitadas e consequentemente lesadas durante a apresentação. Tentar fazer a refeição no máximo até 1 hora após o final do show para a recuperação muscular ser mais eficaz, pois há uma melhor captação de glicose pelo músculo, para produzir o glicogênio.

Exemplo:

Lanche natural (com atum, alface, tomate e queijo branco)
Suco de frutas, água de coco

Aproveitem as dicas

Fonte: RG nutri