Cerveja ‘com que’?


beer-pairings-with-food

Se você acha que apenas vinho é bom pra acompanhar comidas, e toda aquela coisa chique e burguesa, e pensa que cerveja é coisa vagabunda que você come no bar com pão e amendoín, está muito enganado meu caro trouxa! Nos últimos anos, houve uma mudança de paradigma: Cerveja tornou algo mais do que apenas uma bebina solitária no cardápio. Experts em bebidas , chefes de cozinha, e até os amantes de vinho, tem aprendido que a cerveja tem uma incrível capacidade de ‘casar’ com todos os tipos de alimentos. Como resultado, sommeliers de cerveja tenham aparecido em várias cidades do país, especialmente Los Angeles, Chicago, Nova York e Portland, Oregon (e no Brasil também temos varios cursos [joga no google]). Eventos de degustação de cerveja e alimentos, têm-se multiplicado exponencialmente, as listas mensais de beerfestivals.org são enormes. Hoje em dia, pedie uma cerveja não significa que você é simplesmente um bebum de bar averso a vinho (ou o tipo de pessoa que usa a pintura da cara para jogos de futebol).

Cerveja pode realmente ser mais amigável do que alimentar o vinho é. Há certamente mais espaço para a variedade sabor. Enólogos, afinal, tem um ingrediente a jogar com: uvas. Dois, se você contar madeira barril de envelhecimento. Beermakers, por outro lado, pode experimentar com cevada (que acrescenta doçura), lúpulo (que fornecem amargura), levedura (que dão um sabor característico "bready"), bem como especiarias, nozes, chocolate, frutas e legumes. Você ja esperimentou cerveja de framboesa e cerveja de abóbora, certo? não?? Mesmo o maior cozinheiro do mundo, Ferran elBulli de Adrià, acredita no talento do sabor da cerveja: Ele lançou recentemente Estrella Damm Inedit (feita com cevada, malte, trigo, lúpulo, coentro, casca de laranja, alcaçuz, levedura e água), especificamente criado para ser ‘comida-friendly’.

Vamos agora as combinações de comidas com tipos de cervejas:

 

  • Sabores complementares ou contrastantes?

Alguns chefs e sommeliers tentam encontrar pontos em comum, a combinação, digamos, um prato picante tailandês com uma cerveja picante pálido (também poderia ser uma fruta de frutas ou chocolate-chocolate a combinação, etc.) A ideia é que não existe uma relação comum. Nota-se em um gole sabores em comidas passadas ou futuras. A abordagem sugere que os sabores contrastantes são agradáveis ​​em uma espécie de ying-yang: A cerveja de malte, seco amargo classicamente, com ostras, "cortando" a doçura do molusco. Doces e salgados sempre trabalham maravilhas. Recordar que o sabor dos alimentos dominantes pode vir a partir da proteína (como carne), o molho (tal como um molho de creme), ou o método de preparação (grelhar, por exemplo).

  • Comparando a cerveja ao vinho

Algumas pessoas dizem que cerveja ‘lagger’ é como vinho branco e cerveja ‘ale’ é como o vermelho. Um corolário desse conceito: o de que lúpulo da cerveja (como em um bom amargo IPA) funciona como ácidos do vinho (encontrado em, digamos, um Sauvignon Blanc ou um Chianti), em pares de alimentos. Tanto o corte através fattiness e oleosidade, e até mesmo salinidade. Imagine-os tanto como fornecer o limão, ou contraponto ácido, um prato de peixe. Estes são simplificações, mas existem algumas diferenças fundamentais entre lager e ale (os dois principais tipos de cerveja) no valor contemplando: Ales tendem a ser frutado e robusto, enquanto que lagers são nítidas e comparativamente suaves. Em termos de corpo, há três tipos de cerveja (como o vinho): leve, médio e pesado. Geralmente você pode emparelhar pratos leves com cerveja light e pratos pesados ​​com cerveja pesada.

Exemplos:

Light
Vinhos: Sauvignon Blanc, Pinot Noir, Barbera, Pinot Grigio
Beers: Lager, Pilsner, trigo

Médio
Vinhos: Merlot, Zinfandel, Syrah
Beers: Ale, IPA, Bock

Pesado
Vinhos: Cabernet Sauvignon, Malbec, Chardonnay carvalho
Beers: Stout, Porter, Barley Wine

Southern Tier IPA (2)

  • Textura, temperatura e tempo

Bubbles cortar os alimentos fritos e gordurosos, para optar por mais de carbonização quando comer alimentos mais ricos. Pizza, por exemplo, é um alimento gorduroso e exige algo que vai ficar até os ácidos do tomate cortarem o queijo gorduroso, mas não sobrecarregar o prato. Cervejas de malte e porteiros são muito pesados. Cervejas de trigo podem ser um pouco leve ou frutado. Cervejas Ale e Pilsners são suas melhor aposta: Lúpulo enfrentar o queijo, enquanto bolhas, de limpar o paladar. Observe que a cerveja pode mudar o gosto se for muito quente. É mais bem servido entre 4° C e 10 °C. (Nota: alguns frigoríficos ficar ainda mais frio de 4°C, então você pode considerar deixar uma cerveja por 15 minutos antes de servir.). Finalmente, o momento realmente é tudo. Se você estiver emparelhando uma refeição inteira com cervejas diferentes, prato por prato, louça por louça, certifique-se de começar com uma cerveja leve e trabalhar seu caminho em direção cervejas mais escuras. Se você não fizer isso, você pode sobrecarregar seu paladar desde cedo e perder algumas das notas mais sutis e aromas de cervejas delicadas.

  • Cuidado com simplesmente combinando a região

Muitas pessoas pensam que se você está tendo comida mexicana, é uma aposta segura que uma cerveja mexicana irá emparelhar bem. A verdade é: A maioria dos restaurantes oferece apenas uma pequena seleção de cervejas e, principalmente, porque isso é o que as pessoas estão acostumadas a ver em um cardápio. Mexicana Tecate, tailandesa Singha, indiana Kingfisher, e chinesa Tsingtao são todos os grandes europeus Pilsner estilo de cervejas, mas eles não são universais soluções de emparelhamento para todos os pratos de seus respectivos países. (Algumas dessas marcas são realmente fabricado em os EUA ou Canadá de qualquer maneira.) Especialistas defendem cerveja sabores mais fortes e frutado quando jantar na tarifa picante: Ales, Hefeweizens e cervejas de trigo, em particular. Não importa o tipo de cerveja que você escolher, o frio vai se sentir bem contra a comida quente.

  • Beba o que você gosta

Se você ama pale ale, você provavelmente vai gostar com qualquer coisa que você come. E você sabe o quê? Não há nada de errado com isso Experiência:. Não há respostas erradas.

decisions-beers-of-the-world-poster

——-

se não entendeu algo, joga no google, fiquei horas traduzindo tentando fazer algum sentido, google translate fede brocolis podre (ou seja, algo proximo a defundo).

VAMOS BEBER!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s