Sem acordo, os EUA sofrerão crise maior que a de 2008


money-hole-1

Em entrevista a Terra Magazine, Carlos Thadeu de Freitas, ex-diretor do Banco Central brasileiro, traduz as consequências do impasse entre o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e os adversários republicanos. Para o especialista, caso os oponentes não cheguem a um acordo a respeito do teto da dívida do país, a economia norte-americana pode viver "recessão maior do que a de 2008", quando o país desencadeou uma crise global.

Para manter suas contas em dia, o governo Obama propôs um aumento do teto da dívida, atualmente em US$ 14,3 trilhões – valor alcançado em maio deste ano. Os republicanos oferecem como solução, um corte de gastos do governo e Obama defende o aumento de impostos sobre os mais ricos.

O economista aposta no meio termo entre as duas propostas. No entanto, adianta que os republicanos vão estressar os limites de prazos impostos pelo governo para obterem algum ganho com as negociações. "Eu acho que vão chegar a um ponto comum: cortar um pouco de gastos, talvez gastos militares, e aumentar alguns impostos sobre os ricos. Porque realmente não há alternativa para equilibrar o orçamento".

Leia a entrevista completa no Terra Magazine. e fonte SempreGuerra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s